Acorda povo! - Maia articula Parlamentarismo no Brasil

Existe evidências que Maia articula um golpe para implantar o Parlamentarismo

Atualizar


Maia, Alcolumbre, membros do Centrão, Ex-Presidentes do Brasil e um Plano Diabólico




Nas gestões anteriores que estiveram no poder, ouvíamos falar em parlamentarismo? Claro que não!

Tudo era resolvido no “toma lá dá cá”, o sistema rodava em perfeita sintonia, porém, sabemos onde tudo isso nos levou. É no mínimo suspeito atitudes de Parlamentares e tudo que vem acontecendo nesses últimos dias.

Entenda o golpe que querem aplicar no Presidente Bolsonaro

Diante do cenário político brasileiro, não precisa ser especialista para suspeitar do Legislativo na pessoa do Maia e do Pr. Do Senado Alcolumbre.

Se estivermos certos eles querem:

A manobra do Presidente da Câmara Rodrigo Maia quase que passou despercebida nesses últimos dias, más, agradecemos alguns jornalistas e pessoas que estão atentos aos passos sutis do legislativo, tudo está bem diante dos nossos olhos.

Logo após a fala do General Heleno, que o executivo não pode ser chantageado pelo Legislativo, O Presidente da Câmara Rodrigo Maia Viajou no período do carnaval para Paris, se encontrou com o Pr. Da Assembleia Nacional Francesa, de maneira discreta não falou com a imprensa, sempre optando por sair direto do carro para encontros privados. Dia 27/02/2020 seguiu para a Espanha e se reuniu com autoridades poderosas, empresários do país e fez pose de Presidente do Brasil.

O que realmente Maia foi procurar?

Uma postagem no Twitter feita pelo Embaixador espanhol no Brasil, no último dia 20, foi retuitada por Maia, somada com a postagem de Mônica Bérgamo em 15/11/2017, onde ela escreve: “Semipresidencialismo volta a ser debatido por Temer e Gilmar Mendes, em conversa com Maia e Eunício de Oliveira”, mostra interesses e planos ocultos de implantar o PARLAMENTARISMO no Brasil.

Antes de viajar, Maia deu um jantar oficial onde estava presente Gilmar Mentes, ministro do STF e João dória, Governador de São Paulo, suspeito, não? Segundo informação estariam eles preocupado com o crescimento de Jair Bolsonaro.

Outro ponto em destaque é que simultaneamente o Ex-presidente Lula, condenado em segunda instância recebe autorização para visitar o Papa e vários países da Europa para encontro com autoridades.